GAZETA SAFIRA NEWS Copyright ©www.gazetasafira.com

Rating: 2.9/5 (18771 votos)




ONLINE
2





Partilhe esta Página






 


 

Teste sua internet aqui


 

EDOS GRATIS

 


        2ª via Conta 

       CLIQUE AQUI 


  


       2ª via Conta 

   


       2 VIA FONE

 


  CONSULTAS

 


     FUNCIONARIOS DO

  ESTADO/contra-cheques.


    

 


  


 

  RASTREIE ENCOMENDAS


 


       ENCYCLOPÉDIA


 UTILIDADE PÚBLICA 

  


 PORTAL TRANSPARÊNCIA

 


 SITE DA PREFEITURA

  


 COLABORE COM O GAZETA

  


 AJUDE NOSSO

TRABALHO AQUI!

DOAÇÕES QUALQUER 

            QUANTIA

PAGINA DE PATROCINIO

COLABORAÇAO E DOAÇOES


JANEIRO DE 2019
JANEIRO DE 2019

 

 

 22 JANEIRO

Motoristas reclamam da péssima condição da Rodovia MG- 451

 
 

Moradores das cidades e povoados da região de São José da Safira sofrem com o descaso do DER em relação a manutenção da MG-451, que interliga Marilac a Nacip Raydan e São José da Safira.

O trecho é de estrada de chão e esse acesso é utilizado por várias pessoas de várias localidades como, Virgolândia, Nacip Raydan, Poáia, Divino de Virgolândia, São José da Safira e até mesmo de Santa Maria do Suaçui que as vezes utilizam esse caminho para chegar a Governador Valadares, uma vez que ele é mais curto.

 

Todos os anos o povo sofre com a demora na manutenção da rodovia e quando ela vem não usa cascalhos,  facilitando assim a sua danificação com as chuvas, os atoleiros voltam, os buracos e crateras também, dificultando o tráfego na região já tão sofrida pelo descaso por parte do Governo de Minas.

A melhoria desse trajeto seria com colocação de manilhas desvio de enxurradas, cascalhamentos em pontos críticos, (como morro do mamão) aterros perto de Marilac, onde, quando vem as chuvas aparece gigantescas piscinas que chegam a altura acima do meio da porta dos veículos, impossibilitando a passagem de veículos de passeio. Nesse trecho já houve danificação de motores de vários veículos. 

Patrolar apenas e ir embora é solução de curto prazo. O povo esta cansado dessa novela, os motoristas que ali trafegam cobram um trabalho mais eficaz. “Estamos voltando ao passado, onde os veículos atolavam, as estradas ficavam intransitáveis, todos os anos. Hoje temos a tecnologia, equipamentos, mas falta a vontade de fazer o que precisa. Falta ATENÇÃO para com o povo, para com o contribuinte que paga os impostos de seus veículos obrigatoriamente.” são essas e outras reclamações que se ouve diariamente na região.   

Manter esse trecho de apenas 18 KM bem cuidado parece impossível para o DER, todos os anos é o mesmo sofrimento para os usuários.

Essa estrada é muito importante, pois ali trafegam também as ambulâncias que prestam socorro, os alunos que estudam em Marilac, os alunos que faz faculdade em Valadares e sem contar que esse caminho é o principal trajeto para a cidade pólo, que Governador Valadares que fica a 80 KM.

A população pede mais atenção ao DER para com a região, que façam um trabalho eficaz e de longo período de duração e não um patrolamento simples que camufla as péssimas condições da MG 451. 

                          


22/01

CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO DA PREFEITURA DE SAFIRA SEGUE A TODO VAPOR

A obra da construção do novo prédio da prefeitura de Safira segue a todo vapor. O prefeito Tony Lacerda este no local, fazendo uma vistoria ao andamento da obra.

A armação do prédio já começa a aparecer e deverá ser transformada em pouco tempo, já que a construção em sua maioria e de ferros e vidros.

 

O prédio será moderno com salas amplas, proporcionando um maior conforto aos usuários e a todos os safirenses.

                                              

 22 JANEIRO 2019

Prefeitos de Minas decidem voltar às aulas só em Março

 Cerca de 350 prefeitos decidiram, em Assembleia da Associação Mineira de Municípios, que a rede Municipal da educação só vai voltar ás aulas no dia 11 de março, após o Carnaval que termina em 6 de março.
O retorno só está condicionado com a quitação integral da Fundeb e do transporte escolar, inclusive da gestão anterior. Caso o pagamento não seja feito, uma nova data pode ser marcada.
Como é uma decisão a partir de deliberação em assembleia, as prefeituras não são obrigadas a cumprir o acordo, mas a Associação pede que todos sigam a recomendação.
Justificativa
De acordo co Julivan Lacerda, presidente da AMM, a medida busca economizar recursos que já estão sendo escassos, adiando os gastos como o transporte escolar e merenda, além de em algumas cidades profissionais contratados.
O presidente da entidade disse que o adiamento vai dar um fôlego para algumas cidades que já estão sufocadas com folha de pagamento. A medida não foi aprovada de forma unânime nas assembleias, mas os que não concordaram, se mantiveram discretos durante a votação para não se indispor perante aos colegas.

  fonte: Correio do Sul                                  


14 jan

Município de São José da Safira concede título de Cidadão Honorário a Tony Lacerda

 

Câmara de Vereadores de São José da Safira realiza sessão solene para entrega de Titulo Honorário de Cidadão Safirense ao prefeito Tony Lacerda. 

Através de decreto legislativo, no dia 17 de dezembro de 2018, a câmara municipal homenageou o atual prefeito de São José da Safira com o título de cidadão honorário pelos seus trabalhos e sua dedicação e sua trajetória pelo município.

Antonio Lacerda Filho, mais conhecido como “Tony Lacerda” é o atual prefeito do município e vem desenvolvendo uma administração exemplar.

De acordo com o seu currículo Tony Nasceu em José Raydan, Estado de Minas Gerais, aos quatro dias do mês de dezembro do ano de 1962, no seio de uma família extremamente católica e de costumes tradicionais mineiros, o homenageado é filho do Senhor Antônio Lacerda de Jesus e Sra. Ambrozina Felício de Jesus, que criaram os seus filhos com muita dedicação, ensinando-lhes à importância das práticas religiosas para a formação do caráter e da moral. 

 

Teve a felicidade de se casar com a Senhora Andréia Silva Souza Lacerda, com quem está casado há mais de 33 (trinta e três) anos, que o presenteou com filhos inteligentes e amorosos.

 

Muito cedo seus pais saíram do Município de José Raydan em direção à São José da Safira. Ainda, na tenra idade iniciava sua vida de trabalho juntamente com seu pai na fabricação de cachaça, vindo a sair de São José da Safira para ir morar em Governador Valadares no ano de 1989, depois de se casar com sua esposa, Andréia Lacerda.

           

Depois de um bom tempo residindo em Governador Valadares, já atuando com empresário no ramo de bicicletas, mudou-se em 1994 para Guarulhos, no Estado de São Paulo, onde prosperou em sua atividade empresarial, se tornando um dos maiores importadores e distribuidores de peças de bicicletas do país.

 

Cansado de viver na metrópole paulistana, resolveu retornar às suas origens de infância vindo a fixar residência em definitivo na sua amada São José da Safira, no ano de 2012. Neste ano, conseguiu o feito inédito na história do Município e um dos raríssimos casos no Estado de Minas Gerais, de ser candidato único ao cargo de Prefeito de São José da Safira, em clara demonstração de reconhecimento do povo safirense ao homenageado.   

           

Tony decidiu concorrer a um segundo mandato à frente da Prefeitura de São José da Safira, para continuar trabalhando incessantemente em prol do povo safirense, principalmente para a melhoria de vida dos mais necessitados. Sempre exerceu seu mandato com carisma especial junto ao povo safirense.   

     

A partir daí, iniciou-se um caso de amor e paixão da grande maioria dos safirenses com o homenageado. , que lhe motivou a efetivar grandes obras no Município, sejam de mobilidade urbana, melhorias em moradias, construção de casas para população carente, sistema de esgotamento sanitário, área de eventos, estádio de futebol, auditório municipal, prédio da prefeitura nova, creche para crianças de 0 a 5 anos e inúmeras outras, notadamente na zona rural, sem contar as obras sociais de grande alcance para toda a população. 

           

No início de seu segundo mandato à frente da Prefeitura, foi eleito para Presidente do CISDOCE, Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Rio Doce, sendo reconduzido para um segundo mandato por unanimidade dos representantes dos Municípios que compõem o Consórcio.

 

Dono de uma sensibilidade genuína em relação à alma humana conserva e pratica o sentimento e o apreço à gratidão, declinando um apreço especial à pessoas mais pobres e desprovidas de condições financeiras básicas para uma sobrevivência digna.

 

Toda a sua vida, seja no exercício da atividade pública ou empresarial, foi guiada pelo idealismo e determinação na perseguição de seus sonhos e ideais, sempre com sabedoria, caráter de homem íntegro e apego aos seus valores morais. “Matéria da Câmara Municipal de São José da Safira.”                            
 

 


 09jan

 

Maria José Neves lança seu primeiro livro em São José da Safira

Maria José Neves lançou seu primeiro livro no auditório municipal Lafayette Francisco da Silva, em São José da Safira.

Livro possui 90 páginas, Titulo “Onde está o Amor”, onde autora conta um pouco de sua história e o cotidiano.

A valorização do sentimento sublime em vários aspectos vivenciado. A autora expressa sentimentos reais os quais formaram o conteúdo em sua essência.

                                    


05/01

Afogamento em MARILAC resulta em duas vítimas fatais 

Corpos das vítimas, de 19 e 24 anos, foram encontrados no fim da tarde desta sexta-feira (4)

Dois irmãos morreram afogados em um riacho próximo a cidade de Marilac, no Vale do Rio Doce, na tarde desta sexta-feira (4). De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os irmãos tinham 19 e 24 anos e foram encontrados no fim do dia após os militares terem sido acionados para fazerem as buscas pelas vítimas.

Até a publicação desta matéria, a ocorrência ainda não havia sido finalizada pelos bombeiros; os militares não informaram a identidade dos irmãos, se havia mais pessoas com as vítimas e as causas dos afogamentos.

Os corpos das vítimas serão levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Governador Valadares.

SAIBA COMO EVITAR:

Seja qual for o ambiente do afogamento, uma piscina, um rio ou uma represa, existem etapas para ajudar uma pessoa que está em apuros na água. O primeiro passo é a prevenção: crianças na água ou próximas a ela precisam ser supervisionadas o tempo todo, sem descanso - e bem de perto. O responsável deve sempre ficar a um braço de distância, mesmo na presença do guarda-vidas.

"Água no umbigo, sinal de perigo". Mesmo nas piscinas infantis ou se a criança já sabe nadar, é preciso ficar atento. Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), bastam 5 centímetros de água para um bebê se afogar na banheira, por exemplo. Em piscinas, verifique se existe ralo antissucção. Na praia, identifique onde está a corrente de retorno e não deixe a criança nadar nesse local. Na dúvida, fale com o salva-vidas.

Brincadeiras de prender a respiração embaixo da água devem ser permitidas apenas sob supervisão; deixar brinquedos dentro ou próximos à água pode servir de atrativo para as crianças.

Boias não são equipamentos de segurança e podem facilitar um afogamento; prefira o colete salva-vidas.

 

FIQUE ATENTO

A segunda recomendação para prevenir emergências é a atenção: é preciso definir claramente quem está vigiando a criança na água, sem distrações como, por exemplo, celulares ou bate-papo. Diferentemente do que os filmes e a ficção podem dar a entender, o afogamento é um processo silencioso e é bom atentar para os sinais visíveis: cabelos caindo no rosto ou os braços muito imóveis podem ser sinais de alerta.

"Uma pessoa que está se afogando não consegue respirar, muito menos gritar. Se ela levantar o braço, afunda naquele momento. O olho leigo enxerga uma pessoa brincando na água", diz o especialista. "São inúmeros casos em que uma criança está morrendo e ninguém percebe o que está acontecendo", diz Szpilman.

Em caso de emergência, o melhor caminho é chamar ajuda e ligar para o número de emergência 193. Dependendo da situação, outra recomendação é jogar à vítima uma boia ou outro objeto que flutue. É importante manter-se seguro, puxando a pessoa com um objeto, como, por exemplo, o cabo da peneira para piscina.

COMO SOCORRER

Caso a vítima não respire, é necessário fazer manobras de ressuscitação com rapidez.

"Se não houver respiração, é preciso fazer cinco ventilações (respirações) boca a boca. Se a vítima não responder, seja falando, tossindo ou vomitando, significa que o coração também pode estar parado. Aí você vai começar a fazer 30 compressões cardíacas, mantendo duas ventilações e 30 compressões até a ambulância chegar, ela voltar a respirar ou até a exaustão do seu braço", diz Szpilman.

O médico da Sobrasa não recomenda a chamada Manobra de Heimlich, muito popular há 20 anos, em que uma pessoa usa as mãos para fazer pressão sobre o diafragma, comprimindo os pulmões.

"Pode provocar vômito e a vítima acabava aspirando a água do vômito, piorando o quadro", afirma o especialista.

E DEPOIS DO SUSTO?

Após um episódio de afogamento, pais ou responsáveis precisam ficar atentos aos sinais de tosse, dificuldade respiratória ou vômito - podem ser complicações do quadro de saúde.

Na dúvida, o melhor é procurar o médico.

 

    fonte: G1.com e Água Boa em Foco                                        



 03/01

PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DA SAFIRA INTEGRA MAIS UM ÔNIBUS A SUA FROTA PARA ATENDIMENTOS A SAÚDE

São José da Safira já inicia o ano de 2019 com um ônibus novo para atendimentos a pacientes do município. O veículo será usado para deslocamento de pacientes de São José da Safira a Governador Valadares. Com capacidade para 25 passageiros sentados e aguarda a transferência dos documentos para começar a operar no transporte diário da demanda atendida pela Secretaria Municipal de Saúde.

 

Conforto, recursos e economia

O novo ônibus da Secretaria Municipal de Saúde representa, de imediato, muito mais conforto para seus usuários. Os 25 assentos são confortáveis e oferece em especial mais comodidade aos passageiros que geralmente viajam muito cedo e retornam, após o tratamento, quase sempre à noite. Os vidros laterais são escuros, com cortinas para a proteção dos raios solares

Além do bem estar, acrescido aos passageiros, o novo veículo da saúde municipal de Safira, agregará economia de custos, não só de manutenção, por ser equipamento mais novo, mas também de consumo de combustível. 

 

Ônibus atual continuará operando

Mesmo com o início do funcionamento do novo ônibus da saúde, o veículo atualmente em uso não será desativado, passará por uma reforma e atenderá ao Turismo, Esporte e Cultura do Município.

 

“O prefeito de São José da Safira busca recursos para melhorar as condições de vida da população safirense, esse ônibus é mais uma conquista para a nossa comunidade. O atual veículo que faz esse trajeto esta mesmo precisando de uma parada para reforma. Esse carro veio em uma boa hora” Disse o secretário Municipal de saúde, Srº. Matozinho Teixeira.

              


03 jan 2019

Agencia dos Correios foi atacada nessa madrugada em Nacip Raydan-MG.

O ano começa quente em nossa região. Criminosos atacam agência dos Correios em Nacip Raydan, nessa madrugada do dia 03 janeiro de 2019. A explosão assustaram os moradores da cidade e até uma loja que fica ao lado da agência foi prejudicada com a ação dos elementos. Os PMs fizeram buscas pelos bandidos em uma região de matas. As fotos estão circulando pelas redes sociais e enviadas ao GazetaSafira. 

Com a explosão ninguém foi ferido e os bandidos ainda estão foragidos. A polícia esta em investigação do caso.

                                     


 03/01/2019

 COPASA ANUNCIA O CORTE DE FORNECIMENTO DE ÁGUA HOJE ATÉ AS 21 HORAS EM SÃO JOSÉ DA SAFIRA.
                      


03/01/2019

PREFEITO DE SANTA MARIA DO SUAÇUI RENUNCIA DO  CARGO E QUEM ASSUME A PREFEITURA PERIODICAMENTE É O ATUAL PRESIDENTE DA CÂMARA.
 

Após a protocolação do pedido de renúncia do prefeito de Santa Maria do Suaçuí, o vereador Jaci da Silva Pinto (PMDB) tomou posse como prefeito na manhã desta quinta-feira (3). O então presidente da Câmara Municipal assumiu o cargo de Chefe do Executivo depois que o prefeito João Lopes Nunes Filho (PV), como João Fidel, protocolou carta de renúncia na tarde desta quarta-feira (2).

A carta redigida pelo prefeito foi entregue na Câmara pelo irmão dele, Eunilton Lopes de Sena, e pelo sobrinho e advogado, Einstein Lopes, que explicou os motivos que levaram o tio a renunciar. “Ele estava fazendo tratamentos médicos e, somado à instabilidade do governo, reuniu os familiares e discutiu a questão. Por motivos pessoais de saúde ele chegou a conclusão que não possuía condições de gerir o cargo”, explicou.

João Fidel era vice na chapa que tinha Rodolfo Lima Neto como prefeito. Com a morte de Rodolfo ainda no início do mandato, João assumiu o cargo em fevereiro de 2017.

De acordo com a Câmara Municipal, o vereador Jaci da Silva Pinto assume a Chefia do Executivo de forma temporária. O artigo 93 da Lei Orgânica do Município aponta que, havendo vacância do cargo de prefeito nos últimos dois anos do mandato, uma nova eleição deve ser realizada em 30 dias em caráter indireto. Ou seja, os vereadores vão eleger o novo prefeito da cidade.

 Fonte> Câmara Municipal de Santa Maria e G1.com