CIDADES VIZINHAS

Loading...

FEVEREIRO 2022
FEVEREIRO 2022

 

25/02

 RG vai acabar; Veja qual será o novo documento obrigatório
 

O governo federal anunciou a criação da carteira nacional de identidade unificada em todo o país. A medida consta de decreto assinado na quarta-feira (23) pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), durante cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília.  

O novo RG usará o número do Cadastro Nacional de Pessoa Física (CPF) como identificação única dos cidadãos. A emissão da carteira será gratuita, e os institutos de identificação terão prazo até 6 de março de 2023 para se adequar à mudança. O decreto entrará em vigor no dia 1º de março.  

Segundo o governo, os documentos continuarão sendo emitidos pelos órgãos estaduais, como secretarias de Segurança Pública, mas terão o mesmo formato e padrão de emissão.  

Ao receber o pedido do cidadão, os órgãos estaduais de registro civil validarão a identificação pela plataforma do governo federal, o Gov.br. Além do documento físico emitido em papel, os cidadãos poderão acessar a nova identidade no formato digital.  

"Gradativamente, deixaremos de ter uma carteira de identidade para cada estado. São 26 estados e o Distrito Federal, cada um com sua carteira. Isso vai acabar. Haverá uma identificação única do cidadão", destacou o ministro Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria-Geral da Presidência da República.  

Segurança
 

O novo documento é considerado mais seguro porque permitirá a validação eletrônica de sua autenticidade por QR Code, inclusive offline.  

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, lembrou que, da forma como está hoje, os cidadãos poderiam ter até 27 documentos de identidade com números diferentes emitidos pelas unidades da federação, o que facilitava a prática de diversas fraudes e crimes. "A gente avança para um novo tempo de controle, de seriedade e de tranquilidade da população brasileira", afirmou.  

Com a mudança, caso um cidadão emita nova carteira nacional de identidade em uma unidade da federação diferente, o documento já vai contar como segunda via, uma vez que estará vinculado ao número do CPF. Caso a pessoa que solicita a identidade não tenha ainda o CPF, o órgão de identificação local faz de imediato a inscrição dela, seguindo as regras estabelecidas pela Receita Federal.  

 

Validade
 

Quando estiver disponível, o novo RG, terá validade de dez anos. Os documentos atuais de cidadãos com idade até 60 anos serão aceitos por até dez anos. Para os maiores de 60 anos, o RG antigo continuará valendo por tempo indeterminado.  

O governo também destacou que a nova carteira nacional de identidade passará a ser documento de viagem, por causa da inclusão do código no padrão internacional, que pode ser lido por equipamento. Trata-se do código MRZ, o mesmo usado em passaportes.

      FONTE  https://www.acidadeon.com/                                                                                          


 21 fev

 

HOMICÍDO EM NACIP RAYDAN NESSE FINAL DE

SEMANA.

 

Um homicídio foi registrado no fim de semana em Nacip Raydan. De acordo com a ocorrência policial, a vítima de trinta e cinco anos, essa vítima foi morto em um bar. Um disparo passou de raspão  no braço direito da vítima. Segundo a companheira da vítima, um homem chegou e disparou contra Jackson. A vítima foi atingida com um tiro no tórax outro no ombro e um no rosto. A polícia militar informou que o suspeito fugiu pra Virgolândia e as investigações sobre o ocorrido segue com a polícia de investigações de crimes. O fato ocorreu nesse final de semana.

      fonte TV Leste                              


15/02

Dinheiro esquecido nos bancos:

BC liberou consultas dia 14 e

ainda liberará o novo lote em 2

de maio; outros R$ 4 bi ainda

serão pagos.

   
                                                                                                                                         

Primeira fase de consultas foi liberada no domingo, com R$ 4 bilhões a serem devolvidos. Próxima fase começa em 2 de maio, mas Banco Central não informou em quantas etapas será liberado o restante do dinheiro.

 

O Banco Central vai liberar, a partir de maio, as consultas a um novo lote de recursos 'esquecidos' nos bancos. Assim, quem não encontrou dinheiro na primeira fase de consultas, aberta na noite de domingo (13), ainda pode ter recursos a receber nas próximas etapas.

Ao todo, os clientes têm R$ 8 bilhões para receber dos bancos. Na primeira fase, foram liberadas as consultas a R$ 4 bilhões. Uma segunda fase terá início em 2 de maio.

O BC não informou, no entanto, se todos os demais R$ 4 bilhões serão liberados nessa segunda fase, ou se haverá mais fases ao longo do ano. Ainda em janeiro, o banco disse que todos os recursos seriam liberados ainda em 2022.

LEIA TAMBÉM

É a essa segunda etapa que se refere a mensagem que aparece para muitos clientes que acessam o sistema desde domingo (veja na imagem mais abaixo).

"Quem não tiver valores a receber nesta etapa poderá ter nas próximas fases", informou o BC ao ser questionado pelo g1 sobre a mensagem.

Página do BC informa que cidadão sem valores a receber atualmente poderá fazer nova consulta a partir de maio. — Foto: Reprodução

Como consultar

Ao fazer esta primeira consulta, o cliente do banco recebe uma data e período para consultar e solicitar o resgate do saldo existente. As datas são agendadas de acordo com o ano de nascimento da pessoa ou da criação da empresa.

  • Repescagem para quem perder datas de fazer consulta começa em 28 de março
  • Resgate de dinheiro vai exigir cadastro em conta gov.br; saiba como fazer
  • Auxílio Brasil, vale-gás e desconto na luz: veja se é possível receber os três benefícios

Entenda as fases da devolução

Segundo o Banco Central, na primeira fase do serviço são cerca de R$ 4 bilhões de valores a serem devolvidos para físicas e jurídicas.

O BC informou que a estimativa do total de beneficiários nesta fase foi atualizada para 28 milhões, sendo 26 milhões de pessoas físicas e 2 milhões de pessoas jurídicas.

Os valores decorrem de:

  • contas-correntes ou poupança encerradas com saldo disponível;
  • tarifas e parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, desde que a devolução esteja prevista em Termo de Compromisso assinado pelo banco com o Banco Central;
  • cotas de capital e rateio de sobras líquidas de beneficiários e participantes de cooperativas de crédito; e
  • recursos não procurados relativos a grupos de consórcio encerrados.

O restante dos valores será disponibilizado a partir de maio e no decorrer deste ano de 2022, fruto de:

  • tarifas e parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, previstas ou não em Termo de Compromisso com o BC;
  • contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas com saldo disponível;
  • contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários encerradas com saldo disponível; e
  • outras situações que impliquem em valores a devolver reconhecidas pelas instituições.

 

             

FONTE G1.COM


10/02

NOVO GRAMADO DO ESTÁDIO DE FUTEBOL DE SAFIRA ESTA PRONTO PARA O USO
 

Prefeitura de São José da Safira, através da Secretaria Municipal de Esportes e Turismo, finalizou e deixou pronto para o uso, o Novo Gramado do Estádio Municipal Arlindo Siqueira.

 

A inauguração foi em dezembro de 2021 e agora o campo esta a disposição dos times da casa.

A prefeitura optou pelo sistema de plantio descartando os tapetes que já vem prontos. A administração, juntamente com os dirigentes esportivos escolheram uma grama mais resistente a pisoteio e desgastes e que aguentasse o calor intenso, como houve dificuldade em conseguir esse gramado com os requisitos necessários, a comissão, em conjunto optaram pelo plantio e deu certo.

“Gramado novo, vida nova! esta pronto para receber os jogos oficiais. Este gramado deu muitos problemas, mas enfim, conseguimos acertar e finalizar a sua implementação O investimento realizado pela prefeitura valeu a pena, o campo esta de vida nova e nossos atletas merecem o melhor!” Nada mais que justo, presentear os nossos atletas com essa maravilha.” afirmou o Secretario de Esportes  Marcos Robson.

                                                                                                            

 


 

Novo ensino médio começa

a ser implementado neste

ano

Novo Ensino Médio começa a ser implementado oficialmente este ano nas escolas brasileiras públicas e privadas. Segundo o presidente do Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação), Vitor de Angelo, a implementação vai começar pelo primeiro ano do ensino médio, e a primeira mudança nas redes deverá ser a ampliação da carga horária de pelo menos cinco horas diárias.

A reforma também trará desafios, de acordo com Vitor de Angelo, que é secretário de Educação do Espírito Santo. Ele citou, entre esses desafios, a possibilidade de aumento da desigualdade entre regiões, estados e redes de ensino e a necessidade da adequação de avaliações, como o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

“A primeira coisa que deve chegar às escolas, com certeza, é a ampliação da carga horária, porque é uma exigência legal. O que não é exigência legal, mas está atrelado de alguma maneira a isso é a implementação de um currículo novo”, diz Angelo. O Consed representa os secretários estaduais de Educação, responsáveis pela maior parte das matrículas do ensino médio do país. Segundo o último Censo Escolar, de 2021, as redes estaduais concentram cerca de 85% das matrículas.

O Novo Ensino Médio foi aprovado por lei em 2017, com o objetivo de tornar a etapa mais atrativa e evitar que os estudantes abandonem os estudos. Com o novo modelo, parte das aulas será comum a todos os estudantes do país, direcionada pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular).

Na outra parte da formação, os próprios alunos poderão escolher um itinerário para aprofundar o aprendizado. Entre as opções está dar ênfase, por exemplo, às áreas de linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas ou ao ensino técnico. A oferta de itinerários vai depender da capacidade das redes de ensino e das escolas.

O cronograma definido pelo Ministério da Educação estabelece que o novo ensino médio comece a ser implementado este ano, de forma progressiva, pelo primeiro ano do ensino médio. Em 2023, a implementação segue, com o primeiro e segundo anos e, em 2024, o ciclo de implementação termina, com os três anos do ensino médio.

Pela lei, para que o novo modelo seja possível, as escolas devem ampliar a carga horária para 1,4 mil horas anuais, o que equivale a 7 horas diárias. Isso deve ocorrer aos poucos. Em 2022, a carga horária deve ser de pelo menos mil horas anuais, ou cinco horas diárias, em todas as escolas de ensino médio do país. Esta será, portanto, a primeira mudança a ser sentida.

Os estudantes do primeiro ano do ensino médio começarão também a ter contato com o novo currículo. Os itinerários, no entanto, deverão começar a ser implementados apenas no ano que vem na maior parte das escolas.

 

“Tomando o Espírito Santo como exemplo, o que o aluno capixaba vai encontrar na escola de ensino médio é uma jornada maior e currículo novo, no que diz respeito à formação geral básica. Disciplinas ou componentes curriculares diferentes, com os quais ele não estava acostumado, como eletivas, projeto de vida, estudo orientado, mas ainda sem segmentar na sua preferência de itinerário. A partir do ano que vem, ele vai encontrar o itinerário de aprofundamento dentro da sua escolha”, explica o secretário.

Desafios

A reforma trará também, segundo Angelo, alguns desafios, entre eles a possibilidade de aumento das desigualdades educacionais. “No novo ensino médio, a gente pode ter todas as promessas de itinerários e de escolhas, mas para algumas redes. Outras podem não conseguir”, afirma. “O risco é ter escolas com alguns itinerários e outras não, regiões com alguns itinerários e outras não. Então, pode haver um aprofundamento das desigualdades dentro do país e dos estados, para não falar das redes privada e pública”, acrescenta.

Isso significa que um estudante pode não encontrar em seu município o curso técnico ou a formação que deseja. "São cuidados que precisaremos ter, que não invalidam o novo ensino médio, mas a gente não pode desconsiderar que isso existe para não achar que tudo são flores, que o novo ensino médio vai mudar tudo, vai trazer itinerários, ensino flexível adaptado aos alunos, que eles vão fazer o que quiser. As nossas escolas são as mesmas e elas têm dificuldades, os professores tiveram formação, mas não viraram a chave e mudaram de uma hora para outra, então é preciso ter cuidado com isso para não se frustrar", diz Angelo.

Outro desafio é a avaliação dos estudantes. O Enem, por exemplo, precisará ser reformulado para avaliar o novo currículo. “O exame precisa estar alinhado com o novo ensino médio. O Enem é uma prova nacional que precisa criar critérios de comparação entre todo e qualquer estudante que está terminando o ensino médio, especialmente por causa do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), que é nacional. Mas, como vamos comparar, nacionalmente, pessoas que fizeram currículos distintos? Esse é o maior desafio”, avalia.

Em webinário, em dezembro, o secretário de Educação Básica do MEC, Mauro Luiz Rabelo, detalhou as ações da pasta para a implementação do novo ensino médio. Segundo ele, somando todas as ações, até aquele momento, haviam sido repassados aos estados e às escolas R$ 2,5 bilhões.

Rabelo também falou sobre o Enem que, segundo ele, deverá ter duas partes, uma delas voltada para avaliar os conhecimentos adquiridos na parte comum a todos os estudantes, definida pela BNCC, e outra que deverá avaliar os itinerários formativos. “Atualmente, a grande questão mesmo é como criar um segundo momento de prova que contemple a avaliação dos itinerários formativos, dada a diversidade de possibilidades que há na implementação”, disse o secretário. O novo modelo de prova deverá começar a vigorar apenas após a total implementação do novo ensino médio, em 2024.

             fonte noticias r7                                                 

 

02 feve



02/02

 PM DE SANTA MARIA EFETUA PRISÃO DE AUTOR DE ROUBO

EM POSTO DE COMBUSTÍVEL

Autor de roubo em Posto de Combustível é preso em Santa Maria do Suaçuí
Na madrugada desta quarta-feira (02), uma pessoa foi presa após assaltar um Posto de Combustível em Santa Maria do Suaçuí. Os militares foram acionados por um funcionário do estabelecimento, que alegou ter sido vítima da ação criminosa.
Segundo a polícia, a partir dos relatos da vítima a equipe policial realizou as diligências, identificando o autor. Um intenso rastreamento foi iniciado na cidade com o apoio de um militar de outra fração que se encontrava de folga.
Após 02 horas de rastreamento, os policiais localizaram o autor, que estava escondido em uma rua escura, atrás de um carro. O dinheiro subtraído e a suposta arma utilizada no crime não foram encontrados.
O autor foi preso e conduzido à presença da autoridade policial para providências subsequentes.
Fonte: 65º BPM + Folha de Guanhães
                                                                          


01/02/2022

CURSO GRATUITO PARA NOSSA REGIÃO

Curso Totalmente gratuito oferecido aos moradores das cidades de Nacip Raydan, Marilac, Virgolandia, Coroaci São José da Safira.

As inscrições serão feitas nas Secretarias de Turismo de sua cidade. Procure a secretaria e faça a sua inscrição, o Curso será dia 09 de FEVEREIRO de 2022, das 09 as 12 horas, via google meet. 

APROVEITE A OPORTUNIDADE para angariar conhecimentos e enriquecer o seu curriculum.